DENTES-DE-LEÃO

Eli Drzazga
Fotografia de Eli Drzazga

.

DENTES-DE-LEÃO

partimos do princípio talvez errado
de que as flores se amam pelo cheiro
ou pela cor
ou pelo alarde
e não pelo que nelas nos alegra
em silêncio
e mantém de deus e de nós
uma exatidão irrenunciável

deveríamos partir antes talvez
da premissa de que a beleza é acima de tudo
um modo de confessar-nos,
de que amamos as flores pela nossa fragilidade,
pelo que nelas e em nós
existe de promessa fulgurante,
e sobretudo
de sublime desaparição

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s